Dicas para não errar na reforma de banheiros e cozinhas

A cozinha, um dos locais da residência com maior concentração de equipamentos elétricos, e o banheiro, local que mais abriga tubulações, demandam uma atenção especial nas reformas residenciais. Para evitar surpresas desagradáveis, George Argolo, especialista na área de hidráulica e elétrica, preparou algumas dicas importantes para quem está reformando ou pretende começar uma reforma nesses cômodos:

Não contrate vários profissionais ao mesmo tempo

O ideal é contratar um profissional híbrido para fazer o serviço completo. Contratar dois ou mais profissionais, além de significar um custo maior, aumentará o tempo para a conclusão da reforma, pois um profissional dependerá do término do serviço do outro.

Atente-se à quantidade de tomadas

A quantidade de tomadas deve ser pensada de acordo com o número de eletrodomésticos que ficam ligados 24h, como fogão e geladeira, e eletrodomésticos usados esporadicamente, como liquidificador e batedeira. O indicado é ter, no mínimo, 3 tomadas para os eletrodomésticos fixos; uma de cada lado do tampo da pia, para os avulsos; e outra abaixo do tampo para uma lava-louças, que exige uma voltagem maior. Cerca de 6 tomadas no mínimo no caso da cozinha.

Atente-se à instalação

Tomadas de potências diferentes exigem instalações diferentes. O ideal é ter em mente quais aparelhos serão usados no ambiente em questão. Em um circuito único, o aparelho que consome mais energia acaba fazendo com que o que menos consome atue com deficiência.

Saiba quais eletrodomésticos serão instalados

Alguns equipamentos, como lava-louças e forno elétrico exigem um circuito independente. Essa especificação é descrita no próprio manual do eletrodoméstico, mas alguns engenheiros podem exigir a instalação independente caso julguem necessário. O ideal é projetar todas as necessidades antes de iniciar a reforma para evitar problemas posteriores.

Tenha o projeto em mãos

Nele estão descritos todos os pontos elétricos e tubulações. Sem o projeto, a chance de ter uma grande surpresa na reforma é quase garantida. Uma dica para esses casos é tentar desenhar um rascunho junto com o proprietário e não se esqueça: ao concluir a construção de uma casa é extremamente necessário guardar bem o projetos, já que nas reformas ele é indispensável.

Prefira marcas conhecidas

Evite usar marcas de equipamentos desconhecidas pelo baixo custo. No final das contas o prejuízo fará com que você tenha que investir mais de qualquer forma.

Escolha bem o sifão das torneiras

O sifão ideal varia conforme as condições da instalação. O sanfonado é o mais versátil, ele faz a curva para atender à necessidade, por isso é o mais indicado para pias de cozinha e banheiro.

Pense na economia

Nas descargas, opte pela instalação de uma caixa acoplada. Ela é a mais indicada pois controla o volume de água dispensado em cada descarga.

Não se esqueça da iluminação

A luz fria é a mais indicada para os banheiros por não permitir aquecimento e ter maior durabilidade, já a claridade pode variar conforme a potência.

Fonte: Bonde